#961BeerBr
#brewedwithattitude
História da Cerveja - O básico do básico
Testes químicos em potes de cerâmica antigos revelaram que o primeiro processo de engenharia biológica documentado foi feito há mais de 11.000 anos na região hoje conhecida como o Oriente Médio. É aqui que a história da cerveja começa. Acredite se quiser, mas a criação da cerveja levou a um efeito dominó que culminou com o advento da manutenção de registros, a matemática, a formação da escrita, a construção do arado para a colheita, a invenção da roda, e muito, muito mais.

Praticamente qualquer produto que contenha carboidratos, especialmente açucares e amido, pode ser fermentado. É provável que bebidas do tipo cerveja tenham sido produzidas de forma independente por inúmeras culturas por todo o Oriente Médio. Alguns pesquisadores sugerem que a invenção da cerveja foi responsável por fixar comunidades nômades, dando assim início à moderna civilização humana. Tais civilizações iam da Mesopotâmia ao Egito. Todas tinham seus processos e significações culturais únicas atribuídas às suas versões da cerveja.

Desde seu nascimento até a Revolução Industrial do século 18, a cerveja sempre foi produzida e comercializada localmente; ao mesmo tempo, os estilos e as qualidades ou características da cerveja variavam enormemente. A Revolução Industrial introduziu a produção em massa, e a conseqüente padronização da cerveja. Hoje, a cerveja é a terceira bebida mais consumida no mundo, depois da água e do chá. A cerveja gera mais de $300 milhões de dólares em receitas globais.